SINTOMAS DE POBREZA

 

Tomar cerveja em copo de requeijão.

Esquentar a ponta da BIC pra ver se ela volta a funcionar.

Andar pendurado em porta de ônibus.

Lamber a tampa metálica do Iogurte.

Colocar Bombril na antena da televisão.

Colocar maiô ou biquini e tomar sol na represa, na laje ou atrás de casa.

Correr atrás do guarda-sol na praia gritando. "pega-pega".

Entrar de loja em loja perguntando os preços o dizer que só estava dando uma olhadinha.

Ir ao estádio de futebol, entrar nas gerais e pular para as sociais.

Montar jogo de futebol com os times camisa e sem camisa.

Ficar balançando lâmpada queimada prá ver se volta a funcionar.

Ir para o trabalho de bicicleta e dizer que é só pra manter a forma.

Aproveitar a garrafa plástica de refrigerante e colocar água na geladeira.

Acender latinha de álcool no banheiro nos dias de frio.

Secar tênis atrás da geladeira.

Receber visita e mostrar toda a casa.

Decorar vaso com flor desidratada.

Guardar refrigerante com colher na boca pra não perder o gás.

Comprar carro novo e não tirar o plástico.

Amarrar cachorro com fio de luz.

Lamber a ponta da borracha para apagar erros.

Correr a casa inteira com o chinelo na mão atrás da barata.

Usar pregador de roupas pra fechar sacos de arroz, açúcar...,

Copiar modelo de vitrine pra depois fazer em casa.

Jogar algodão na árvore de natal para dar efeito de neve.

Passar cuspe no cotovelo pra amaciar.

Guardar sobras de sabonete pra depois fazer uma bola só.

Convidar os amigos para o churrasco do seu aniversário e mandar cada um levar uma coisa, (carvão, espetinho, etc...).

Consertar tira da sandália havaiana com grampeador.

Dançar lambada com a sogra, passar uma rasteira na velha e mandar para a "Vídeo Cassetada" do Faustão.

Enfeitar a estante da sala com lembretes de casamento.

Passar fio dental e depois cheirar pra ver se o dente está podre.

Tirar cera do ouvido com a chave do carro ou com a tampa da caneta.

Fazer barra da calça com fita crepe.

Sair correndo e se matar pra pegar o ônibus que já esta saindo do ponto.

Subir na laje pra mexer na antena e ficar gritando: "melhorou ?".

Guardar cueca furada pra passar cera no carro.

Entrar na loja de R$ 1,99 e querer achar um presente legal.

Ir ao restaurante e antes de pedir a comida perguntar se aceita ticket.

VAI DIZER QUE VOCÊ NUNCA FEZ UMA DESSAS?